por Marcio Placedino*

Se você ainda não sabe, é possível ganhar na bolsa de valores também quando uma ação cai. Uma das grandes estratégias para esse momento é a operação de venda, também conhecida como Short Selling ou Venda a Descoberto. Através dela você pode ganhar com a queda de uma ação, como por exemplo: ações petrobras . E é disso que trataremos a seguir.

bolsa de valores

Exemplos de ações para operar vendido e ganhar com a bolsa de valores em queda

Para operar na venda é preciso encontrar ações que tenham indicadores técnicos apontando para a tendência de baixa. Para um exemplo citamos abaixo 5 ações que poderiam criar oportunidades de venda em fevereiro de 2016.

  • PETR4: A ação da Petrobras se encontra atualmente em perspectiva de queda para o médio e longo prazo, com grandes chances de romper suporte em R$ 4,20 o que poderia ocasionar oportunidade de venda.
  • OIBR3: A Oi apresenta atualmente tendência de queda no médio e longo prazo. Se as ações subirem e se aproximarem da resistência a R$ 2,27, onde muitos investidores estão dispostos a vendê-la, pode apresentar uma oportunidade de venda.
  • JBSS3: Os preços da ação da JBS apresentam tendência de queda para o médio prazo devido a diversos indicadores técnicos como: médias móveis apontando para baixo, topos e fundos se formando em preços mais baixos, volume financeiro mais significativo em dias de baixa. Caso a ação suba ao patamar de sua resistência em R$11,00, a grande chance é que ela volte a cair em seguida e então pode haver uma oportunidade de venda.
  • CSNA3: Caso as ações da Siderúrgica Nacional subam, elas se aproximarão de uma região de preços onde muitos investidores estão dispostos a vendê-la, na resistência de R$4,00, apontando para queda no curto prazo e podendo gerar oportunidade de venda.
  • CVCB3: A CVC Brasil possui tendência neutra para o curto prazo, porém no médio prazo apresenta tendência de queda devido a rompimento recente de um de seus suportes. Esse fator pode fazer com que surja uma oportunidade de venda no médio prazo.

Mas atenção! Estes são exemplos validados em 12/02/2016 e podem se alterar conforme a mudança do cenário no mercado. Portanto é preciso acompanhar a evolução da ação para saber se ela continuará criando oportunidades de venda.

Mas como operar vendido?

Agora que entendemos o cenário em que essas empresas se encontram e porque elas podem oferecer oportunidades interessantes mesmo neste momento do mercado, se você quer entender melhor como funcionam as operações de venda, vamos explicar a seguir.

O que é a venda a descoberto

As operações de venda a descoberto são uma modalidade em que o investidor pode vender uma ação que não possui em carteira, acreditando que a mesma irá cair de preço. Se o cenário evoluir como ele espera, ele recompra a ação mais barato e efetua os lucros nessa diferença entre a venda e a compra.

Ou seja, neste caso você vende primeiro para comprar depois.

Essas operações normalmente ocorrem no curto prazo ou em operações de Day-Trade (que duram no máximo um dia), por isso é permitida a venda de um ativo que o investidor não possui.

A diferença é que se a operação durar mais de um dia você precisará alugar a ação de outro investidor para poder vendê-la. Então você recompra a ação quando a mesma chegar ao preço que você imaginava e a devolve para o seu dono. No Day-Trade esse aluguel não é necessário.

Para realizar este tipo de operação é necessário ficar atento à análise técnica, assim você saberá quando aquela ação em queda pode oferecer uma boa oportunidade.

Também é necessário se certificar que exista a disponibilidade de aluguel para o ativo que você pretende vender, o que chamamos de BTC. Basta conferir a disponibilidade com a sua corretora.

Como identificar uma ação para operar vendido?

Primeiramente, para realizar uma operação de venda é preciso buscar por ações que tenham perspectivas de queda no curto e médio prazo.

Qualquer ação que possua boa liquidez pode ser uma opção de venda a descoberto, desde que você esteja atento à análise técnica para saber o momento de vender uma ação esperando por sua queda.

É possível identificar na análise gráfica alguns padrões que apontam para a tendência de baixa das ações como:

  • Perda de suporte: Os suportes são patamares de preços onde muitos compradores têm interesse em comprar aquela ação. Se a ação perde o suporte, isso indica que a demanda por aquela ação está caindo, o que pode fazer com que seu preço também caia, portanto pode surgir uma oportunidade de venda.
  • Teste de resistência: No caso das resistências, são patamares de preços onde muitos investidores têm interesse em vender aquela ação. Portanto, se a ação testa a resistência isso indica que muita gente quer vendê-la, o que também pode fazer seu preço cair podendo assim criar uma oportunidade de venda.

Percebeu como operar na venda pode ser uma excelente estratégia de investimento? Aprendendo como investir na bolsa de valores combinando diferentes estratégias e indicadores da análise técnica e fundamentalista você tem tudo para alcançar o sucesso nos seus investimentos.

Aproveite para deixar abaixo suas dúvidas e experiências nesta modalidade.

* Marcio Placedino – Marcio Placedino atua no mercado de ações há 8 anos e é membro da equipe do Toro Radar desde 2010, onde atua como instrutor de cursos e palestras sobre diversos temas na área de investimentos e como analista. É Administrador de empresas no IBMEC de Minas Gerais e Advogado formado na Universidade Federal de Minas Gerais. Possui a certificação de Planejador Financeiro CFP® – Certified Financial Planner, é Consultor de Valores Mobiliários registrado na CVM e Analista CNPI-T registrado na APIMEC.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here