Há um tempo atrás a revista Isto é Dinheiro publicou, juntamente com suas revistas, dezoito fascículos especiais, que juntos formaram uma enciclopédia muito interessante intitulada “1000 CEOS – Estratégias comprovadas de sucesso dos executivos mais experientes”. A publicação foi formada por uma breve biografia de cada um dos mil CEOs escolhidos pela revista e também por um material que varia em temas que vão desde abordagem centrada no cliente até educação de executivos.

E o post de hoje é exatamente sobre um dos temas abordados nesta interessante publicação: como reagir diante de uma crise na empresa. Acompanhe:

Crise na empresa

Não é segredo pra ninguém que no mundo corporativo nem tudo são flores, e mesmo que desagradáveis, seja nas prematuras ou mais sólidas empresas, muitas vezes as crises são inevitáveis.

Baseados em conselhos empresariais formulados por Stephen Carver, consultor de gestão de crise da Escola de Administração da Cranfield University no Reino Unido, mostraremos alguns pontos importantes e que podem ajudar você gestor, a ter  uma melhor reação diante de um momento como este:

1 – Não espere que uma crise se abata

Comece agora a planejar uma estratégia de gestão de crise coerente. Ter um plano B para um momento ruim pode fazer toda a diferença na velocidade de reação e recuperação de sua empresa em um mercado em crise. Não espere que o momento das vacas magras se aproxime para se preparar, muitas vezes em meio a  momentos conturbados são tomadas decisões precipitadas e às vezes irreversíveis.

crise na empresa

2-  Aja rapidamente

Podemos utilizar o exemplo do vazamento de petróleo do Exxon Valdez em 1989, onde o CEO lawrence Rawl levou mais de uma semana para visitar o local do acidente, dando assim, a impressão de que o fato não era prioridade. A partir do momento em que se percebe que os resultados da empresa não vão bem, a solução para este problema precisa ser a prioridade máxima da empresa. O planejamento para solução da crise precisa começar imediatamente após a sua instalação.

3 – Seja claro e posicione-se

O gestor da empresa deve tomar a frente da situação, indicando a importância e prioridade que os níveis mais altos dão aos problemas, garantindo a sobrevivência da organização em condições adversas. Como fez David Neeleman, então CEO da companhia de aviação JetBlue, que após centenas de passageiros serem deixados em uma pista de pouso e decolagem por mais de 6 horas devido ao mau tempo, agiu rapidamente, oferecendo milhões de dólares em compensação financeira e uma avalanche de desculpas. O que resultou em um processo de ressurgimento da marca JetBlue, mais forte do que nunca.

É claro que nem todas as empresas tem os milhões de dólares que Neeleman teve para reagir diante de uma situação que poderia fazer sua empresa desmoronar, mas manter-se em alerta e preparar um plano de ação para os momentos difíceis farão com que decisões importantes sejam antecipadas em um momento de maior clareza, sem a pressão da luta pela sobrevivência.

E você, já viveu um momento de crise e sua empresa ou na empresa em que trabalha? Conhece algum case de sucesso que gostaria de comentar? Quais dicas gostaria de compartilhar conosco? Deixe seu comentário abaixo, participe!

5 COMENTÁRIOS

  1. é um site muito intereçante.e como futura administradora de empresas vai ser muito util pra mi quero ter sempre informaçoes deste site no meu imail

    • Gostei, estou pesquisando empresas que saíram da crise.
      De tiverem algum material?
      Gentileza me enviarem.

  2. Como empreendedor iniciante me apaixonei por varias informações e cursos pela pagina deste site.

    agradeço e de olho nas novidades sempre.

    Deus abençoe sempre a todos da equipe sobre administração.

    Att. Salmon D. Reis
    na formação e desenvolvimento na empresa Hooton Trykes no Brasil

  3. Ola,
    sou estudante de administração e micro-empresaria ,estou tentando definir um tema para meu TCC, e achei bem interessante a questão levantada acima. Ja que minha empresa encontra-se em crise justamente por falta de preparação para a chegada da mesma e inexperiência no ramo. Agora é achar a solução para o problema e unir o útil ao agradável(crise x TCC).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here