É pessoal, o mundo mudou, os negócios mudaram e as carreiras também.

Na edição nº 161, da Você S/A, Luiz de França e Vanessa Vieira, com colaboração de Lucas Rossi, trazem um verdadeiro guia das áreas que estão em alta e que deverão absorver milhares de profissionais nos próximos anos.

Este guia foi elaborado a partir de um estudo realizado anualmente pela rede Laureate, multinacional de educação, com 50 universidades em 20 países, além do estudo foram levados em consideração análises e variáveis identificadas por Instituições como a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e a Fundação Instituto de Administração (FIA).

Vamos à lista as 30 novas carreiras que vão bombar no mercado, segundo a Você S/A:

1 – Administrador Público – Por que é uma boa?

Há uma crescente necessidade de Administradores públicos ou especializados na área em empresas privadas, que cada vez mais estão se inserindo nos serviços públicos e precisam padronizar a atuação. A Administração Federal também prevê a contratação de 10.000 funcionários nos próximos 10 anos.

Perpectivas: Salários entre 10.000 e 20.000 reais.

2 – Tecnólogo e Engenheiro de Petróleo e Gás – Por que é uma boa?

Após os projetos de exploração do pré-sal, a demanda por profissionais dessa área aumentou. É um setor com diversas possibilidades de atuação como exploração, perfuração, comercialização, distribuição, pesquisa, transporte.

Perspectivas: Salários entre 15.000 e 20.000 reais para quem já está há sete anos no mercado.

3 – Especialista em Recuperação de Áreas Urbanas Degradadas – Por que é uma boa?

A preocupação ambiental já faz parte da estratégia empresarial, a demanda por pessoas qualificadas à elaboração de projetos específicos da área tem aumentado bastante.

Perspectivas: Salários entre 10.000 e 15.000 para profissionais com cinco anos de experiência.

4 – Coordenador de Desenvolvimento da Força de Trabalho e Educação Continuada – Por que é uma boa?

A competitividade exige que as empresas mantenham seus funcionários em altos padrões de desenvolvimento, informação, atualização. O profissional dessa área é o responsável por gerenciar programas de qualificação avançados. É uma função estratégica.

Perspectivas: Salários entre 7.000 e 12.000 reais.

5 – Matemático – Por que é uma boa?

Os matemáticos estão ganhando espeço no mercado financeiro, sendo uma alternativa a Engenheiros. Muito requisitados também pelo mercado de TI, podem se sair muito bem, adicionando à sua formação uma especialização na área de Tecnologia da Informação.

Perspectivas: Salários entre 8.000 e 14.000 em bancos e afins.

6 – Especialista em Inteligência Artificial – Por que é uma boa?

O avanços da robótica é um fato, profissionais atuantes nessa área, tem mercado garantido. Apesar de não ser uma formação fácil de se conquistar, os estudos sobre o tema já estão bastante difundidos.

Perspectivas: Salários entre 5.000 e 10.000 reais.

7 – Profissional de Ecorrelações – Por que é uma boa?

Em época de conflitos e pressão pela exigência de atuar com responsabilidade socioambiental, o profissional de Ecorrelações será o responsável por mediar situações e manter o bom relacionamento entre empresas, instituições e governo.

Perspectivas: Salários entre 5.000 e 9.000 para técnicos e 12.000 para gestores.

8 – Profissional de Marketing para E-commerce – Por que é uma boa?

As vendas online no Brasil crescem cerca de 30% a 40% ao ano, com o mercado em expansão, a demanda aumentou entre as empresas, que não querem ver seu faturamento diminuir por falta de profissionais especializados.

Perspectivas: Salários entre 6.000 e 18.000 reais, dependendo do nível em que iniciar.

9 – Designer de Games – Por que é uma boa?

Grandes estúdios estrangeiros como Ubisoft, do jogo Assassins Creed e Blizzard, do jogo Guitar Hero, já abriram escritórios no Brasil, atraídos pela onda de participação do mercado brasileiro no mundo dos games, estimada em 2% em 2011, ou seja, 2 bilhões de reais de receita.

Perspectivas: Salários entre 4.500 e 9.500, com possibilidades de ganhos maiores para profissionais criativos e diferenciados.

10 – Gestores de Eventos de Entretenimento – Por que é uma boa?

A indústria do entretenimento está em forte expansão em todo o mundo. Para a realização de cada evento, nos bastidores há um grande elenco de profissionais para garantir a organização, estrutura, montagem, divulgação e tudo que for necessários para o sucesso.

Perspectivas: Salários entre 6.000 e 12.000.

11 – Especialista em Logística Fluvial – Por que é uma boa?

O Norte do Brasil é um celeiro de oportunidades para profissionais especializados em planejar, executar e fiscalizar sistemas de transporte hidroviário, por concentrar a maior bacia hidrográfica do mundo. O profissional pode atuar em hidrovias, empresas de transporte e navegação, produção e turismo.

Perspectivas: Salários entre 2.500 e 3.500 reais para Tecnólogos e 7.000 a 8.000 para gerentes, após cinco anos.

12 – Gestor de Direito da Saúde – Por que é uma boa?

O aumento do acesso da população a planos privados de saúde prevê um maior número de negociações entre médicos, pacientes, hospitais, abrindo espaço para o profissional especializado no resultados jurídico dessas relações.

Perspectivas: Salários entre 6.000 e 20.000 reais.

13 – Gestor de Resíduos – Por que é uma boa?

dar um destino sustentável ao lixo é um problema global, atraindo profissionais que se envolvam em encontrar alternativas viáveis e soluções para destinação adequada dos resíduos residenciais e industriais.

Perspectivas: Salários entre 8.000 e 12.000 reais.

14 – Especialista em Bioinformática – Por que é uma boa?

Tem crescido a demanda pelo uso da tecnologia aplicada à biologia e a genética, profissionais das áreas de biotecnologia, farmacêutica, agricultura, medicina e bioquímica estão sendo recrutados.

Perspectivas: Salários entre 5.000 e 15.000, dependendo da experiência e do conhecimento.

15 – Consultor em Planejamento Financeiro – Por que é uma boa?

Profissão relativamente nova no Brasil, tende a crescer pelo aumento da renda média mensal do brasileiro, que tem planejado mais seus gastos. Atuando com frequência em bancos, consultorias e de forma autônoma.

Perspectivas: Salários entre 7.000 e 12.000 nos bancos de varejo.

16 – Gerente de Inovação – Por que é uma boa?

Já presente em várias empresas, o próprio título já descreve o profissional, que geralmente possui perfil arrojado e busca elevar a competitividade da empresa.

Perspectivas: Salários entre 10.000 e 15.000 para área de Marketing e 10.000 a 20.000 para área de Tecnologia.

17 – Tecnólogo em Construção Naval – Por que é uma boa?

Segundo a Associação Brasileira das Empresas do Setor naval e Offshore, o numero de profissionais da área deve chegar aos 10.000 em 2016 e há carência em todos os níveis da indústria. O Tecnólogo em Construção Naval é o responsável por selecionar qual sistema hidráulico e elétrico será implementado, entre outras funções.

Perspectivas: Salários entre 4.500 e 10.000 reais.

18 – Planejador de E-learning – Por que é uma boa?

Para atender a demanda de educação à distância, surgem os planejadores de e-learning, profissionais que pesquisam , organizam cursos didaticamente, interativamente e visualmente, podendo em Universidades, Consultorias especializadas…

Perspectivas: Salários entre 3.500 e 10.000 reais, dependendo do nível de atuação.

19 – Especialistas em Epidemias e Desastres Naturais – Por que é uma boa?

As situação de catástrofes naturais tem se intensificado pelas mudanças climáticas. Abrindo espaço para profissionais capazes criar e gerenciar programas de prevenção reação em situações de calamidade.

Perspectivas: Salários entre 8.000 e 25.000.

20 – Especialista em Agroecologia – Por que é uma boa?

Esse profissional tem a missão de propor soluções como políticas públicas e inovações tecnológicas, visando tornar as atividades agrícolas mais sustentáveis, diante expansão sem controle que ameaça ecossistemas como o do Pantanal e da Amazônia.

Perspectivas: Salários entre 2.000 e 10.000 reais.

21 – Tecnólogo em Telemedicina – Por que é uma boa?

Profissão nova e com poucas pessoas experientes, o Técnico em Telemedicina dará suporte à equipes médicas durante a prestação de serviços de saúde remotamente, mercado em expansão, graças ao desenvolvimento de novas tecnologias e necessidades relativas a distância e a urgência.

Perspectivas: Salários entre 4.500 e 7.000 reais.

22 – Coordenador de Terceirização Offshore – Por que é uma boa?

Diante da internacionalização dos negócios, surge o profissional especializado em assegurar que fornecedores terceirizados cumpram os padrões exigidos pela empresa.

Perspectivas: Salários entre 7.000 e 14.000.

23 – Gestor do Esporte – Por que é uma boa?

Não somente por conta da Copa do Mundo ou dos Jogos Olímpicos, a indústria do esporte é bilionária, necessitando de profissionais para administrar marcas, gerenciar equipes, projetos, consultorias, agências de marketing esportivos, entre outras atividades.

Perspectivas: Salários entre 3.000 e 18.000, variando de acordo com a posição ocupada: analista, coordenador, gerente… Em empresas maiores, os ganhos podem aumentar em 15%.

24 – Engenheiro de Energias Renováveis Tecnologia Não Poluente – Por que é uma boa?

A busca por energias e recursos renováveis está inserida no desenvolvimento sustentável, demandando profissionais a realizar avaliações, emitir laudos e pareceres técnicos.

Perspectivas: Salários entre 8.000 e 12.000.

25 – Gerontólogo – Por que é uma boa?

O aumento da expectativa de vida e falta de pessoas para cuidar dos idosos abrirá um mercado bastante rentável nos próximos anos. O gerontólogo se dedicará ao planejamento e implementação de ações para aumentar a qualidade de vida dos idosos, no contexto social ou da saúde.

Perspectivas: Salários entre 2.500 e 15.000, entre recém-formados e diretores.

26 – Advogado Especialista em Direito Eletrônico – Por que é uma boa?

Os delitos praticados na rede vão desde de roubo de informações e downloads indevidos a fraudes bancárias. Atividade do advogado especialista consiste, entre outras, em encontrar, compreender e interpretar a legislação, que ainda é muita falha nessa área, no Brasil.

Perspectivas: Salários entre 8.000 e 13.000 dependendo do nível e experiência.

27 – Desenvolvedor de Web Móvel – Por que é uma boa?

Aplicativos e programas para aparelhos móveis tem demanda estourada no mundo inteiro. A criatividade do profissional e a funcionalidade das criações determinarão o sucesso do profissional. Possibilidade de atuação em empresas de desenvolvimento ou de forma autônoma.

Perspectivas: Salários entre 6.000 e 10.000 reais.

28 – Consultor de Sucessão – Por que é uma boa?

Empresas familiares fundadas nas décadas de 1960 e 1970, passam agora por transições na gestão, em muitos casos, não é fácil dar continuidade ao empreendimento. Nessas situações atua o Consultor de Sucessão.

Perspectivas: Salários entre 3.500 e 20.000.

29 – Farmacoeconomista – Por que é uma boa?

Profissional responsável por estudar e analisar os custos dos usos de medicamentos nos sistemas de saúde e na sociedade. Demanda crescente pelo empenho em reduzir os altos custos do Sistema de Saúde no Brasil. Laboratórios e Planos de Saúde começam a contratar esses profissionais com maior frequência.

Perspectivas: Salários entre 8.000 a 11.000.

30 – Curador de Arte – Por que é uma boa?

A exportação de obras de arte no Brasil cresceu 500% de 2005 a 2010, o mercado está cada vez mais complexo e dinâmico, exigindo profissionais que entendem tanto da arte como do mercado e que saibam administrar.

Perspectivas: Salários entre 2.000 e 20.000 dependendo da complexidade da atuação.

Fonte: Administração Participativa

Opinião

Analisando bem as profissões mencionadas na matéria acima, podemos perceber que algumas delas já existem há algum tempo no mercado, e que outras são realmente novas e prometem muito para os próximos anos. Porém, algumas perspectivas salariais estão um pouco otimistas demais ao meu ver, acho que a realidade será um pouco diferente da mostrada pela Revista Você S/A.

Algumas destas profissões não estão relacionadas à Administração, mas é bacana observarmos quais são as perspectivas do mercado e quais os nichos serão mais explorados no futuro. Como administradores, devemos estar sempre atentos ao que pode ou não mudar nas empresas e carreiras para os próximos anos.

E você, o que achou desta lista? Deixe um comentário abaixo, dê sua opinião.

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here