O Financial Times preparou um ranking com os 100 melhores cursos de MBA Global, que é baseado no aumento salarial dos estudantes após o término do programa. Entre todos os cursos listados não há nenhum brasileiro e apenas duas instituições latino-americanas: o INCAE Business School (77°), com unidades na Costa Rica e Nicarágua, e IAE Business School (98°), que fica na Argentina. Confira essas duas escolas e os 10 melhores cursos, segundo o jornal americano.

1. London Business School (LBS) – Inglaterra

A duração do MBA Global da London Business School, localizada em Londres, é de 20 meses. Para a matrícula, são exigidos exames de língua inglesa e de conhecimento em negócios, como o TOEFL e o GMAT. O curso é dividido em um programa para a Ásia e outro para a Europa e para a América, com disciplinas obrigatórias e eletivas. Depois de concluírem o curso, os alunos da LBS recebem, em média, aumento de 132% em seus salários, sendo que suas remunerações médias são de 145.779 mil dólares.

1 – Universidade da Pennsylvania Wharton – Estados Unidos

A Wharton School, que fica na Philadelphia, está empatada em primeiro lugar com a London Business School no ranking elaborado pelo Financial Times. Os principais requisitos para os candidatos ao curso são quatro anos de experiência e o exame GMAT (que tenha sido realizado de 2006 para frente preferencialmente). Em média, os alunos da Wharton recebem 123% de aumento em seus salários após concluírem o curso, sendo que a remuneração média deles é de 171.551 mil dólares.

3. Harvard Business School (HBS) – Estados Unidos

Localizada em Boston, a HBS possui centros de pesquisa em Buenos Aires, Hong Kong, Mumbai, Paris e Tóquio. Os candidatos que pretendem ingressar no curso precisam apresentar suas aprovações nos exames de língua inglesa TOEFL e IELTS, que devem ter sido realizados de 2009 para frente. Com uma lista de 96 disciplinas eletivas, os alunos dessa instituição podem construir uma grade de cinco matérias por semestre, dependendo do enfoque que querem dar ao MBA. Os alunos de Harvard têm média salarial de 170.238 mil dólares, com aumento de 116% após conclusão do curso.

4. Institut Européen d’Administration des Affaires (INSEAD) – França

Com mais de 138 mil alunos ao redor do mundo, em cerca de 160 países, o MBA Executivo Global do INSEAD pode ser feito na Ásia, no Oriente Médio ou na Europa. Para ingressar no curso é preciso, além da nota do exame de negócios GMAT, cerca de 11 anos de experiência no mercado. Depois de concluírem o curso, os alunos da instituição recebem, em média, aumento de 108% em seus salários, sendo que suas remunerações médias são de 147.883 mil dólares.

Universidade de Stanford Graduate School of Business – Estados Unidos

Localizada no estado da Califórnia, a Stanford GSB está empatada em quarto lugar com a INSEAD e, em 2010, selecionou apenas 6% dos candidatos ao Global Management Program (GMP). Em média, os alunos da escola recebem 115% de aumento em seus salários após concluírem o curso, sendo que a remuneração média deles é de 183.260 mil dólares.

6. Hong Kong UST Business School – Hong Kong

O MBA integral da Hong Kong UST Business School tem foco internacional na Ásia e programas de estudo que podem ser de um ano ou 16 meses, com experiência no exterior a partir do segundo ano. A instituição tem sido indicada como uma das melhores escolas de negócios e administração do mundo pelo Financial Times desde 2001. Os alunos da HKUST Business School têm média salarial de 133.334 mil dólares, com aumento de 142% após conclusão do curso.

7. Columbia Business School – Estados Unidos

Localizada em Nova York, a Columbia Business School exige de seus candidatos as notas de exames de língua inglesa como o TOEFL (de 2008 para frente) e de conhecimento em negócios, como GMAT ou GRE (de 2006 ou posterior). Os alunos ganham experiência com intercâmbio em uma das 24 escolas internacionais de negócios ligadas à Columbia, pelo Chazen MBA Exchange Program, e as disciplinas optativas somam mais de 130 opções. Em média, os alunos do Columbia Business School recebem um aumento salarial de 117% após concluir o curso. A remuneração média deles é de 163.407 mil dólares.

8. Instituto da Empresa (IE) Business School – Espanha

O IE Business School, localizado em Madri, possui um MBA Global Online de 15 meses e um MBA Internacional de um ano com opções de aulas em inglês ou espanhol. Notas de exames de espanhol como o DELE, DIE ou Cámara de Comercio de Madrid são cobrados nas inscrições, ou TOEFL ou IELTS para os cursos em inglês. Depois de concluírem o curso, os alunos da instituição recebem, em média, aumento de 136% em seus salários, sendo que suas remunerações médias são de 149.584 mil dólares.

9. MIT Sloan School of Management – Estados Unidos

O MBA Global do MIT, localizada Massachusetts, destaca-se nas áreas de consultoria empresarial, investimento e tecnologia. A escola também promove fóruns de MBA Global em parceria com Columbia Business School, Harvard Business School, INSEAD, London Business School, Wharton, entre outras instituições, para oferecer oportunidades internacionais aos seus alunos. Para se candidatar, é preciso apresentar a nota do exame GMAT ou GRE (posterior a 2006) na inscrição. Em média, os alunos do MIT recebem um aumento salarial de 121% após concluir o curso. A remuneração média deles é de 158.387 mil dólares.

Instituto de Estudios Superiores de La Empresa (IESE) Business School – Espanha

A IESE Business School fica em Barcelona e seu MBA Global Executivo tem duração de 16 a 18 meses, com turmas de até 30 alunos. Para ingressar na instituição, que está empatada em nono lugar com a MIT no ranking do Financial Times, é necessário apresentar a nota do exame GMAT. Em média, os alunos da instituição recebem um aumento salarial de 138% após concluir o curso, sendo que a remuneração média deles é de 131.890 mil dólares.

77. INCAE Business School – Costa Rica/Nicarágua

O MBA Global Executivo tem aulas em espanhol e duração de 16 meses, com aulas durante uma semana a cada mês.  Além de as aulas acontecerem nos dois campus da instituição, na Costa Rica e na Nicarágua, três viagens (para Europa, Estados Unidos e China) estão inclusas no programa. A idade mínima para entrar no programa é de 30 anos e também são necessários: duas cartas de recomendação e 50 dólares de matrícula. Estudantes do INCAE têm média salarial em 89.212 mil dólares, com aumento de 106% da remuneração após o MBA.

98. IAE Business School – Argentina

O IAE Business School, localizado em Buenos Aires, oferece MBA Executivo Internacional com duração de dois anos. Os interessados em estudar na instituição precisam ter um tempo de experiência de, no mínimo, cinco anos. Os estudantes do IAE têm média salarial em 72.797 mil dólares, com aumento de 82% da remuneração após o curso.

Fonte: Revista Exame.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here