Administração não é uma disciplina que estudamos na escola regularmente, por isso muitos candidatos a concurso público ficam desesperados ao se dar conta que no conteúdo programático do seu edital a disciplina está presente. O mesmo ocorre com áreas correlatas – Contabilidade, Administração Financeira e Orçamentária, disciplinas jurídicas etc.

O que fazer, então, quando o concurso que você almeja traz Administração entre as disciplinas? Neste texto vamos dar algumas dicas para o iniciante que pretende alcançar bom desempenho em Administração em um concurso público.

Administração é importante?

A primeira dica é sobre a sua motivação para estudar Administração. Muitos candidatos fazem a seguinte pergunta: por que devo estudar essa matéria em um concurso público?

É bom lembrar que os conceitos dessa área vão lhe ajudar a tornar a Administração Pública alinhada com as práticas mais modernas na gestão da coisa pública. Quantos de nós reclamamos de serviços públicos mal prestados no Brasil?

Pense que desde o momento da preparação você já está se capacitando para prestar serviços públicos de melhor qualidade, já que aprender a administrar lhe tornará um servidor mais eficiente no desenvolvimento das suas tarefas.

Comece “do começo”

É muito comum ver candidatos estudando partes do conteúdo do edital do concurso avançadas antes de saber conceitos básicos de Administração. Assim, no máximo, você irá decorar o conteúdo, mas não irá aprender.

Então, é melhor ter a humildade de entender os conceitos iniciais, mesmo que pareçam óbvios, para aprender genuinamente o conteúdo. Às vezes nos precipitamos tentando aprender mais rápido assuntos avançados, mas perdemos tempo porque não sabemos o básico.

Mesmo conteúdos que parecem óbvios, devem ser lidos com atenção e cuidado.

Escolha materiais de qualidade 

Existem centenas de professores e autores de livros, cursos e apostilas de Administração para concurso, mas poucos são realmente confiáveis e ensinam o que você precisa para uma prova de concurso.

Busque referências do autor do seu material, saiba qual é a formação acadêmica dele e, também muito importante, analise a experiência dele na preparação de candidatos a concurso público.

Autores clássicos, como Idalberto Chiavenato, sempre serão mais confiáveis do que autores desconhecidos – que podem arriscar inovações doutrinarias que não são consideradas pelas bancas de concurso.

Livro, apostila ou curso? 

Uma pergunta comum feita por candidatos a concurso público é sobre a diferença e a escolha entre livros de administração, apostilas ou cursos para estudar para concurso.

As apostilas e cursos feitos exatamente para um concurso público têm a vantagem de trazer o conteúdo programático sem faltas nem sobras, fazendo com que você não perca tempo.

A desvantagem desse material é que ele pode ser insuficiente ou superficial demais para o candidato iniciante, ou aquele que percebe a importância muito grande de Administração na pontuação da sua prova.

Nesse caso, livros são melhores por serem mais amplos e aprofundados.

Dicas finais 

Finalizando, é bom lembrar que praticar exercícios físicos, manter uma rotina diária de estudos e resolver exercícios de provas anteriores são práticas essenciais para estruturar uma preparação de qualidade para o seu concurso.

Evite também abusar de hábitos que lhe levam à procrastinação e à distração, que atualmente sempre estão ligados ao uso do smartphone e das redes sociais.

Grandes objetivos exigem grandes esforços, disciplina e atenção. Com força de vontade e dedicação, você chega lá!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here