Se você está pensando em abrir uma franquia faz bem procurar informações sobre o valor do investimento, seu faturamento e taxas a pagar, mas também é importante pesquisar sobre o setor no qual a franquia de interesse atua.

As empresas iniciantes no mercado, que investem em setores aquecidos, sofrem menos chances de falência, mesmo em se tratando de franquias. Embora as franquias sejam tipos de negócios seguros, elas não são infalíveis. Sendo assim, observe os setores que apresentaram maior crescimento, segundo a ABF (Associação Brasileira de Franchising) e tome uma decisão mais garantida em relação ao seu empreendimento.

Leia também: 
4 cuidados importantes que você deve ter ao abrir uma franquia
Como transformar a sua empresa em franquia

Setores em alta

Os setores que mais cresceram em faturamento foram:

  • Hotelaria e Turismo – 97,8%
  • Limpeza e Conservação – 44,5%,
  • Informática e Eletrônicos – 32,5%

O setor de Hotelaria e Turismo se tornou aquecido devido aos eventos mundiais que estão para ser realizados no país. Em Belo Horizonte as taxas de juros baixos estimulam os investidores a comprar quartos de hotel para serem alugados durante a Copa do Mundo de 2014. Outro fator importante tem relação com a expansão da empresa de turismo CVC, que atua com pelo menos 700 unidades espalhadas pelo país.

franquias_setores

O setor de Limpeza e Conservação apresentou crescimento significativo após a aprovação da nova lei da empregada doméstica. As donas de casa se viram obrigadas a recorrerem aos serviços de limpeza oferecidos por modelos de franquias especializadas no setor.

Já, o setor de Informática e eletrônicos apresentaram essa alta graças às inovações do setor.

Setores em baixa

Se há setores em alta, significa que outros tiveram um desempenho inferior, são eles:

  • Estúdios fotográficos, gráficas e sinalização – 1,6%
  • Negócios, serviços e varejos – 2,6%
  • Educação e Treinamento – 10,3%

Os estúdios fotográficos, gráficas e sinalização apresentaram queda por que são setores que precisam ser reformulados, já que a grande maioria das pessoas possuem câmeras digitais e impressoras de alta resolução em casa.

No mesmo caminho estão os setores de negócios, serviços e varejos, que eventualmente estão perdendo para o comércio eletrônico, e saturação do mercado. O setor de educação e treinamento também podem ter sentido a queda no crescimento devido a grande oferta e cursos gratuitos online.

Em qual setor investir?

Logo atrás dos setores em alta citados acima, também se destacam os setores de Lazer, Esporte, Saúde e Beleza. Assim ampliamos o leque de opções para investimento. As novidades em produtos de beleza e o aumento do crédito do brasileiro, estão proporcionando o crescimento no faturamento destas áreas. As pessoas estão se mostrando muito preocupadas em se manter jovens e saudáveis, adquirindo produtos e tratamentos cada mais caros e de qualidade.

Então, antes de investir em qualquer um desses setores, realize um bom plano de negócios. Avalie o seu crédito, identifique-se com o setor, verifique as possibilidades de transformar o negócio em realidade, contrate um bom advogado para analisar as cláusulas do contrato com a franquia, e se torne um empreendedor de sucesso.

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here