Uma pesquisa revelou como os norte-americanos se comportam no Facebook em relação às marcas, inclusive o porquê de essas pessoas “curtirem” as páginas. A maior parte dos usuários (58%) vira fã de uma empresa por já ser seu consumidor, mas 57% deles só estão ali pois esperam receber descontos ou participar de promoções.

E o nível de engajamento é alto, pois 78% disseram participar de menos de dez fan pages, o que as deixa mais focadas. Os motivos variam, mas é uma minoria que está presente nessas páginas para ter acesso a conteúdo exclusivo (31%) ou para saber com antecedência as novidades sobre a marca (31%).

O levantamento “10 fatos que você deveria saber sobre comportamento dos consumidores no Facebook“, conduzido pela Constant Contact e pela Chadwick Martin Bailey, ouviu 1.491 pessoas, todas maiores de 18 anos.

Os dados mostram que 52% dos entrevistados gastam pelo menos uma hora por semana no Facebook. O site de Mark Zuckerberg é, disparado, o que mais gera interação entre consumidor e marca, com índice de 34%. Depois aparecem Twitter (4%), LinkedIn (1%) e MySpace (1%), além de comunidades online (9%) e blogs (4%). 56% dos que ainda não completaram 35 anos conversam com as marcas preferidas pelo Facebook.

A importância de se dar atenção às páginas também ficou evidenciada. 77% leem os posts, acompanham as novidades e as ofertas divulgadas pelas marcas e 17% compartilham experiências sobre elas com outras pessoas. Além disso, 13% postam conteúdo relacionado às empresas.

Outro dado destacado é que a maioria (76%) nunca deixou de seguir uma marca depois de “curtir” sua página no Facebook. 56% se sentem mais confortáveis em fazer indicações depois de se tornar fã e 51% dos fãs ficam mais inclinados a comprar após se vincularem à marca.

Fonte: Revista Exame

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here