No processo de criação de um site para sua empresa ou um site pessoal ou site para comércio eletrônico , a decisão mais importante que você deve tomar é: Onde estarão armazenados os ficheiros do meu site ? Onde será a casa do meu site? Qual dos inúmeros provedores de hospedagem confiarei a hospedagem do meu site ?   

Antes de mostrar para você como escolher uma hospedagem confiável, vamos explicar concretamente o que é uma hospedagem de sites na web: 

A hospedagem de sites é um serviço de fornecimento de recursos no servidor, ou seja, aluguel de espaço em disco rígido, onde serão armazenados todos os arquivos e dados necessários para o bom funcionamento do seu  site. É como alugar um terreno para construir uma casa. E assim como nem todo terreno é adequado para a construção de certas casas, nem toda hospedagem é adequada para um site específico. 


Como escolher uma hospedagem confiável para o seu  site  ? 

Em que você deve  prestar atenção ao escolher um provedor de hospedagem? 

Dada a variedade de ofertas no mercado, está se tornando cada vez mais difícil comparar os serviços de empresas concorrentes. Uma visão geral dos serviços que considero confiáveis você pode encontrar aqui. Talvez os serviços mais atraentes para você pareçam os provedores que ofereçam menor  preço do mercado. Esse é um fator importante, no entanto, além de preços atrativos, você também deve prestar atenção especial à velocidade e confiabilidade da hospedagem.

Uma hospedagem confiável é muito importante porque os servidores destinados a isso funcionam sem interrupções, fornecendo processamento 24 horas. Sempre que alguém digita o nome do site na barra de endereços do navegador, o host transmite todos os dados necessários para atender à solicitação: textos, imagens, arquivos, etc. 

Mesmo que o serviço seja muito barato, um preço baixo não deve se tornar um indicador de  confiabilidade. Uma hospedagem não confiável pode afetar a operação do seu projeto e, como resultado, reduzir as receitas comerciais. No processo de seleção, concentre-se em dois parâmetros: estabilidade e velocidade do site em uma hospedagem específica. 

As etapas abaixo ajudarão você a escolher a hospedagem adequada e confiável para o seu site.

  1. Para começar, decida qual a dimensão do seu projeto,  qual o orçamento  e quais recursos o seu site precisará . É possível verificar isso na seleção de planos tarifários.

2. Preço: Hospedagens podem ser divididas em pagas e gratuitas. Mas para um projeto sério, deve sempre escolher um serviço pago, pois lhe serão disponibilizadas todas as funcionalidades sem restrições de acordo com o seu orçamento. Qualquer hospedagem paga definitivamente suportará PHP, MySQL e outras tecnologias da web. A hospedagem será a  casa do seu site por muito tempo. Por isso, você precisa  encontrar um equilíbrio  ideal entre  qualidade e preço.

3. Escreva para o suporte técnico. Faça algumas perguntas  sobre a versão PHP, sobre o tráfego,  qualquer coisa. Assim, você poderá avaliar a qualidade e a velocidade do suporte técnico, o que será extremamente importante para você. Recomendo fazer perguntas, no fim de semana, de preferência no sábado à noite. Pois o  suporte sempre deve funcionar, porque os sites dos clientes devem estar disponíveis nos feriados e fins de semana. Especialmente no fim de semana.

4. Dê uma olhada no Uptime, a hora em que seu site está disponível. O hoster deve garantir algum tempo de atividade. É bom se o tempo de atividade estiver acima de 99,5%, se estiver abaixo de 99% – isso já é ruim. 

5. Use o período de teste. Muitos fornecedores  oferecem esta opção para que você avalie o serviço por algum tempo (uma semana, 15 dias ou mesmo um  mês). Aproveite a oportunidade e teste  vários sites de hospedagem ao mesmo tempo, para escolher o melhor o mais rápido possível.

6. Descubra a idade do provedor de hospedagem. Use um dos serviços whois e veja quando o site de hospedagem foi registrado.

Dependendo da dimensão e do tipo de site, você poderá escolher entre os seguintes tipos de hospedagem :

Hospedagem compartilhada : Apesar do nome sofisticado, a hospedagem compartilhada é um serviço simples e comum. Significa que vários sites estão localizados no disco rígido de um servidor web. Dependendo do plano tarifário escolhido, você recebe um certo número de gigabytes e alguma restrição no uso de recursos. Você não consegue acessar o setor de disco rígido de outra pessoa, assim como seus vizinhos, os recursos (memória, processador, software) são comuns a todos.

A vantagem da hospedagem compartilhada é o baixo custo. Por isso , a maioria dos sites escolhe esse tipo de hospedagem.

A Desvantagem:  possíveis falhas na transmissão do site pela Internet. Isso pode acontecer se um dos vizinhos no servidor tiver um gasto excessivo de recursos e o sistema não puder responder rapidamente ao pico de carga.

Servidor dedicado virtual: Neste tipo,  um grupo de sites ficam localizados em um servidor Web físico, mas para cada um deles é criado um servidor virtual separado. Portanto isso significa – seu endereço IP privado, a possibilidade de controlar e gerenciar os recursos da máquina e sua configuração.

Servidor dedicado : Um servidor dedicado é um tipo de hospedagem no qual um servidor físico é alocado para um único site. 
A vantagem dessa hospedagem é que o desempenho do seu servidor não depende da carga de outros recursos da Web, você pode alterar a configuração do servidor a seu critério ou até interromper o funcionamento do computador. 
A desvantagem é que os  preços da alocação são altos. Mas, se você pretende criar um portal de vídeos ou jogos ou outro projeto com muitos recursos – parece que não pode evitar a compra de um servidor dedicado.

Colocation : E, finalmente, o último tipo de hospedagem para hoje é a colocação.
Suponhamos que você possua um equipamento físico para criar um servidor Web completo, mas não tenha acesso a canais de alta velocidade de acesso à internet. Então você entra em acordo com a empresa de hospedagem e instala seu equipamento no espaço deles com a condição de conectar-se à rede. Este serviço é chamado de colocação. 

Existem muitos serviços de hospedagem gratuitos. Mas, existe um provérbio que diz: ´´Quando a esmola é demais, o santo desconfia´´.

Alguns provedores gratuitos são gratuitos porque o objetivo não é certamente prover um serviço de qualidade mas, exibir seus anúncios em seu site e, assim, monetizar, não se responsabilizam por problemas de dados, o suporte técnico pode demorar muito para responder ou exigir várias vezes mais para uma atualização.


Artigo anteriorCLEANTECHS – O que são e como é o cenário delas no Brasil
Administradora de empresas formada pela Universidade Federal Fluminense - UFF. Possui mais de quinze anos de experiência no mundo corporativo tendo trabalhado em áreas como Planejamento, Logística e Suprimentos. Atua como Analista de Planejamento de Materiais na área de Supply Chain em uma empresa multinacional, onde também é Auditora Interna da Qualidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here