*por Pedro Renan

As marcas mais bem sucedidas estão sempre representadas por logotipos que já se transformaram em ícones da nossa cultura e estão muita vezes associados a bom gosto, além de conferirem status para quem consome o produto.

O logo também pode carregar uma série de conceitos, como missão, valores e personalidade da empresa, comunicando suas qualidades mais importantes.

Por se tratar de um símbolo que tem como uma de suas características a simplicidade, há quem pense que a tarefa de desenvolver um logotipo não requer muito esforço; porém, criar um logotipo é muito mais que desenhar algumas formas e escolher uma tipografia bonita. O designer que valoriza o dinheiro pago pelo cliente e o empresário que reconhece a importância da imagem de sua marca sabem que é preciso muito trabalho, pesquisa e criatividade.

Abaixo, confira os 5 segredos de um logotipo de sucesso.

Conheça bem o seu mercado

Isso também significa que você deve conhecer a fundo todas as características do seu negócio, seu público e suas peculiaridades, assim como a concorrência. Antes de qualquer coisa, entenda quem é a empresa no mercado e esteja ciente dos diferenciais, para que isso possa ser traduzido no logo.

Conhecer como as pessoas enxergam a empresa e saber o que elas esperam do produto e o que ele representa para elas também é de suma importância. Informações como faixa etária, escolaridade, classe social, gênero, tamanho da família e costumes vão ajudar a definir detalhes importantes como desenho, fonte e cores.

Entender a concorrência também irá ajudar, pois assim é possível encontrar um diferencial no posicionamento, além de ajudar a identificar erros que podem ser evitados no futuro.

Procure o seu diferencial

Saiba o que o cliente busca: se é ter estilo, diferenciar-se dos outros, ficar mais bonito ou se encaixar em um grupo. Liste os conceitos que devem ser transmitidos por meio da marca, porém, tome cuidado para que não sejam muitos e acabem confundindo as pessoas.

Lembre-se de que o conceito é que irá atrair e convencer as pessoas a consumirem seus produtos, assim, nao deixe de transmiti-los em toda a comunicação, do logotipo ao ponto de vendas.

Veja o logo do Twitter, por exemplo: ele consegue passar o conceito de um microblog que só envia mensagens curtas de uma maneira muito eficaz.

logo twitter

Perceba aí também a importância de ser original e criar algo exclusivo, afinal, o que deu certo com outras marcas pode não ser o que você precisa. Pesquisar referências é importante, mas é preciso muito cuidado para não copiar o trabalho de outras pessoas, pois isso comprometerá sua credibilidade e possivelmente acarretará problemas com a justiça.

Quando sua marca busca o diferencial nos produtos e na comunicação visual, isso se reflete na maneira como as pessoas a enxergam, pois seu símbolo ganhará mais força e será associado mais facilmente pelo público. Veja a Apple, que tem um logotipo que hoje é relacionado não apenas a produtos com um design diferenciado e de alta tecnologia, mas também a status social e estilo.

apple logo

 Tipografia também é importante

Logotipos não são só imagens: a criação também pede uma tipografia criativa e exclusiva, que ajudará a construir a identidade da marca.

Existem muito logotipos famosos, que são parte do nosso dia a dia, que dispensam desenhos e funcionam muito bem. Esses logos tipográficos mostram tipografias exclusivas e bem características.

Uma das vantagens de adotar esse tipo de logo é que o nome da marca fica gravado mais facilmente na memória do público. Veja a Coca-Cola e a Canon, por exemplo:

coca-cola logo

Porém, por mais que você decida usar um símbolo, trabalhar a tipografia e ter uma fonte exclusiva é muito importante, pois também contribuirá na sua diferenciação e identificação com o público. Se o seu alvo são as crianças, por exemplo, uma letra mais redonda, sem serifa e descontraída pode passar mais alegria e menos seriedade.

logo-restaurante-13

 Escolha as cores cuidadosamente

Um dos elementos mais importantes é a combinação de cores que o seu logotipo irá exibir, pois elas associam ideias à marca e comunicam emoções e sentimentos, despertando sensações e desejos. Por isso, atenção para esse ponto, pois uma má escolha pode derrubar qualquer design genial.

Procure também não incluir muitas tonalidades, pois assim seu projeto pode acabar ficando confuso e sem sentido.

pepsi logo

Priorizar a simplicidade e o equilíbrio é o que você deve buscar em primeiro lugar, afinal, nosso cérebro sempre dá preferência a características como harmonia e coerência. Uma dica é criar os vetores primeiro em preto e branco, para só depois adicionar cores e efeitos.

Pense na aplicação

Na hora de criar, também é importante pensar onde será o melhor lugar para aplicar sua marca e trazer mais visibilidade. Isso inclui mais do que o lugar onde o logo estará, pois as cores e complexidade do desenho também influenciarão no resultado.

Estar atento a limitações de cor e ter sempre um plano B é uma importante estratégia para que o logo seja compreendido em qualquer aplicação. Daí a importância de prezar pela simplicidade, pois isso fará com o que o logotipo seja compreendido em todos os tamanhos, desde a embalagem até o outdoor.

O logo da Nike, por exemplo, é simples e limpo, mas é quase impossível alguém olhar para seu símbolo e não reconhecer a marca.

nike logo

O logotipo ajuda na identificação da empresa, comunicando suas principais qualidades e características. Assim, sua criação é tão importante quanto a escolha do nome. Seguindo essas dicas, você terá mais segurança na hora de criar o seu logo, garantindo que ele expresse a personalidade da sua marca.

*Pedro Renan é CFO na empresa Logovia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here