3

E saiu mais um vídeo inédito na #SobreADMTV, o nosso canal do Youtube com conteúdo especial para nossos leitores. Se você ainda não está inscrito em nosso canal, clique aqui.

Neste vídeo eu dei algumas dicas sobre como perder o medo de falar em público.

Um mal que toma conta de muitos profissionais e que é bem simples de ser exterminado.

Basta você seguir os passos que eu dei no vídeo para começar a se sentir mais confiante ao enfrentar uma platéia, ou uma reunião de trabalho, ou mesmo a defesa de sua Monografia.

Confira o vídeo abaixo:

Como perder o medo de falar em público

E você, tem alguma dificuldade em falar para muitas pessoas? O que mais te incomoda em ter que falar em público? Deixe seu comentário abaixo, participe! Vamos tentar ajudas uns aos outros a vencerem este medo tão comum!

Ah, e não se esqueça de se inscrever em nosso canal para ser avisados dos nossos vídeos novos! Clique aqui.

0

As reuniões de empresas são meios instituídos como forma de unir pessoas de diversos setores, ou não, para que tomem conhecimento de fatos e coordenadas importantes, e atuem na tomada de decisões que desenvolvam a empresa. Mas estas reuniões, embora sejam essenciais para a comunicação da equipe, podem acabar se tornando muito extensas, fazendo com que percamos uma parte importante do nosso tempo, além de comprometer a nossa produtividade.

Para evitar este problema, selecionamos algumas dicas que podem auxiliar você a passar menos tempo em reuniões de trabalho, e ainda torná-las mais proveitosas e eficientes.

Dicas sobre como passar menos tempo em reuniões de empresas

Acompanhe uma seleção com dicas especiais que tornarão o seu dia melhor e mais produtivo:

  1. Desestimule reuniões desnecessárias

É comum perceber nas empresas que muitas reuniões são marcadas para solucionar questões ou problemas comuns, que bem poderiam ser solucionados com um pouco mais de dedicação e atenção do encarregado, enquanto outras, são tão desinteressantes que o tema deveria surgir apenas como menção em uma reunião mais importante. Nestes casos, não pense duas vezes, suspenda tais reuniões desnecessárias.

  1. Prepare uma pauta

Defina e selecione os temas mais importantes a serem declarados na reunião, estipule dados, tabelas e fatos externos, se achar necessário, reúna todas estas informações em uma pasta organizada, faça cópias e as distribua antecipadamente, para que todos possam se interessar e se preparar com certa antecedência.

Como passar menos tempo em reuniões de trabalho

  1.  Estabeleça um limite de tempo

Marque um hora exata para o início e término da reunião. Para facilitar esta tarefa, estipule os minutos que você acredita que sejam necessários para a sua apresentação sobre cada tema, contando com uma observação sobre cada um deles, perguntas e discussão. Inicie no horário e, disciplinadamente, termine no limite de tempo estipulado.

  1. Convide apenas aqueles que considera necessários

As reuniões não devem se tornar palco para apresentações, elas devem ser diretas, focadas e interessantes aos participantes. Caso você se sinta desnecessário numa reunião, também convém deixá-la.

  1. Vá direto ao assunto

Minimize o tempo da reunião evitando aquele discurso escrito para quebrar o gelo. As reuniões de negócios não foram inventadas para fazer amigos. Você causará uma boa impressão se mostrar ser direto, prático e eficiente.

  1. Inicie a reunião com os resultados esperados

Declare aos participantes os resultados esperados em termos específicos, logo no início da reunião. Desta forma você evitará que tais informações se tornem menos importantes ao iniciarem eventuais discussões.

  1. Determine pausas em caso de reuniões muito longas

Em casos de sessões que ultrapassem os 60 minutos, convém declarar algumas pausas para evitar o cansaço dos participantes e a redução na atenção dos envolvidos.

Mas não é preciso dizer que reuniões muito longas não são saudáveis para seus participantes. Por isso, evite se alongar muito nas discussões desnecessárias e faça uma pauta enxuta.

  1. Mantenhas as discussões sob controle

As longas discussões sobre determinados temas podem tornar as reuniões mais extensas, mas o ideal é que os participantes resolvam a questão antes de tomar o tópico seguinte. Nestes casos convém estimular que uns desenvolvam as ideias dos outros.

Aproveite todas as dicas e utilize melhor o seu tempo, trabalhando de maneira inteligente e produtiva.

0

A dica de hoje é para você que precisa sair do “piloto automático” e dar um tempo para pensar um pouco mais em você e em sua carreira.

Viver o tempo todo a 200km/h é altamente prejudicial para seu corpo e sua mente.

Focar somente na vida profissional, sem ter tempo para repensar e analisar sua vida pessoal, pode colocar em risco toda uma carreira de sucesso.

Por isso, se você precisa reconhecer e aperfeiçoar seus hábitos, lapidar o seu potencial e criar novos planos para a sua vida, a dica de hoje poderá mudar consideravelmente a forma como você vive.

Estou falando do programa “Destrave o Seu Potencial, oferecido pela LPH Solution.

Este programa é uma ferramenta eficiente que ajudará você a se reencontrar, redefinir suas prioridades e utilizar todo o potencial que você possui (que ainda nem descobriu ou descobriu e simplesmente não consegue utilizar).

Abaixo detalharei o curso e os seus benefícios, fique atento:

Destrave o seu potencial e alcance o sucesso

O que é o Destrave Seu Potencial?

DESTRAVE O SEU POTENCIAL é um programa criado para que você possa extrair mais do seu potencial e obter melhores resultados em seu trabalho e vida pessoal.

Tudo isso através de um poderoso contexto desenhado com as práticas e competências mais avançadas e reconhecidas de desenvolvimento humano e de coaching.

O programa é composto por uma imersão de três dias, cinco assessments (avaliações) exclusivos, três sessões individuais de coaching e ainda acompanhamento por 12 meses, que envolvem experiências individuais, coletivas e palestras com profissionais renomados na área de coaching.

Oferecendo uma experiência única, que conta com a soma do que existe de mais sofisticado nas áreas da mudança comportamental e do desenvolvimento humano.

Destrave o Seu Potencial é certificado internacionalmente pelo CAC (Center for Advanced Coaching – EUA). Ao final do curso, você também receberá um certificado do CAC.

Você terá, ainda, a opção de utilizar o consagrado método assessment científico, o mais utilizado na contratação de executivos no mundo. Baseado na Teoria DISC (conhecer perfil comportamental, levantar talentos e oportunidades de melhoria, aumentar autoconhecimento etc.), o que te trás motivação, satisfação e o que te move.

Este é um programa em que todo profissional sério deveria conhecer e participar. Nem sempre nossa vida está tão boa quanto imaginamos.

Sempre há algo que pode ser revisto e otimizado. Por isso, clique no link abaixo e saiba mais sobre o curso e tudo o que ele pode oferecer.

Invista em você e aumente o seu potencial de sucesso!

Conheça o curso Destrave o Seu Potencial

Informações úteis:

Incluso: Coffee-breaks, apostila completa e certificado.

Carga horária aproximada: 32 horas

Local de treinamento: Vila Mariana, São Paulo-SP

Mais informações: http://www.lphsolution.com.br/#destrave

0

Com a aproximação da implantação do E-Social nós, do blog Sobre Administração, buscamos trazer para vocês um post introdutório de como será a nova rotina para o profissional de RH com a implantação do E-Social.

Lembrando que este é um tema com muitos detalhes e assuntos específicos, dificilmente conseguiremos abordar todos em apenas um post.

O que é o E-Social?

O E-Social é um projeto do Governo Federal, que envolve a Receita Federal, o Ministério do Trabalho, o INSS e a Caixa Econômica Federal. Seu principal objetivo é a consolidação das obrigações acessórias da área trabalhista em uma única entrega. 

Ou seja, o E-Social irá unificar o envio de informações referente aos trabalhadores das empresas. Com a plena implantação do E-Social, o profissional de RH fará em um único envio todas as informações relevantes para CAGED, GFIP, RAIS, etc.

E Social – O que é e o que muda na vida do profissional de RH

Na prática, de forma resumida, podemos dizer que o E-Social será como uma folha de pagamento digital.

Está inclusa no projeto a entrega de todas as declarações, resumos para recolhimento de tributos oriundos da relação trabalhista e previdenciária, bem como informações relevantes acerca do contrato de trabalho. Além de maior controle sobre informações referentes à saúde e segurança do trabalhador.

Com isso, é esperado garantir aos trabalhadores o correto cumprimento das leis trabalhistas e previdenciárias.

Ok! Mas para o setor de Recursos Humanos, quais serão os impactos?

O que muda com o E-Social?

Diariamente, os profissionais de RH irão realizar alguns “reports” para o sistema do E-Social. A partir do envio, o sistema da Receita Federal irá validar a informação enviada e emitirá um número de protocolo de recebimento desta informação.

Não existirá um prazo fixo para envio de todas as informações, os prazos variarão de acordo com o assunto. Confira a seguir alguns exemplos:

Admissões ou demissões: precisarão ser informadas imediatamente quando ocorrerem. O trabalhador não poderá ser admitido ou demitido sem que o arquivo com a informação já esteja na base da Receita.

Folha de pagamento: o envio deverá ser realizado todo dia 07 do mês subsequente.

Jornada de trabalho e alterações de horários: deverão ser informadas na medida em que acontecerem as alterações de horários. Inclusive para trabalhadores isentos de marcação de ponto.

Alterações de Salário: o envio das informações deverá ser feito no dia subsequente à alteração.

O programa E-Social estará interligado com o ambiente da Receita Federal. Sendo assim, é de extrema importância que o profissional de RH verifique a consistência das informações no registro do programa de folha de pagamento.

É papel do RH garantir a acuracidade das informações referente ao trabalhador e que as suas movimentações estejam alinhadas conforme legislação vigente no país.

As informações de cargo, por exemplo, serão informadas através do número de CBO (Classificação Brasileira de Ocupações). Então, independente se o nome do cargo estiver em português, inglês ou em outro idioma, é necessário que esteja com o CBO correto.

Algumas informações adicionais serão solicitadas através do E-Social para composição de dados estatísticos, como por exemplo, se o colaborador já possui imóvel próprio e se utiliza recursos do FGTS para a aquisição do mesmo.

Com a obrigatoriedade do cumprimento do E-Social, teremos mais argumentos para buscar a cooperação de outros setores da empresa ou de nossos clientes, como nos casos de empresas do ramo de Contabilidade, por exemplo.

Um exemplo disso é nos casos de marcação de férias dos trabalhadores. Habitualmente, quando esta responsabilidade é da Gestão da empresa e não do  setor de Recursos Humanos, não há o correto cumprimento do Art. 135 da CLT (“…o trabalhador deve ser comunicado de suas férias, com 30 dias de antecedência, no mínimo, da data de início de suas férias”).

Com a implantação do E-Social, as férias deverão ser comunicadas para a Receita dentro do prazo estipulado em CLT.

Com estes exemplos fica mais fácil entender o que muda com o E-Social. Mas acredito que seja importante a realização de palestras visando conscientizar os colaboradores sobre as principais mudanças impostas pelo programa, bem como sobre a importância do cumprimento dos prazos legais e garantir o apoio e envolvimento de todos na implementação e manutenção do E-Social na empresa.

Quando o E-social entrará em Vigor?

O prazo para implantação do E-Social em empresas do Lucro Real, com receita anual acima de R$ 78 milhões, é a partir de Outubro/2014.

As demais empresas, com receita menor, terão até Janeiro/2015 para ter o sistema completamente implantado.

1

A tão esperada (ou não) edição do programa Aprendiz Celebridades, da Rede Record, estreou ontem. Contando com poucas personalidades de grande expressão, o programa teve uma estréia bem diferente do que estamos acostumados a ver.

- Confira a lista dos participantes do Aprendiz Celebridades.

Com uma proposta completamente diferente das edições anteriores do programa, Roberto Justus nos apresentou um Aprendiz inusitado. E as mudanças já começaram entre os seus conselheiros, onde pudemos ver Cacá Rosseti no lugar de Walter Longo.

Mas não foi só isso que mudou no programa.

APRENDIZ CELEBRIDADES

Assista abaixo ao vídeo com o episódio completo de Aprendiz Celebridades, do dia 22/04/14:

Já em sua primeira prova, o Aprendiz já causou incômodo nos telespectadores. Pra não dizer vergonha alheia.

Em um circo lotado, cada um dos 15 participantes teve 2 minutos para criar algo para entreter o público. Em uma tarefa que avaliava, entre outras coisas, a capacidade de gerenciamento de tempo dos participantes, todos falharam.