Comumente, vemos um mercado onde várias empresas competem diariamente, onde muitas se destacam “do seu jeito”, mas que não se destacam plenamente dos demais. Com exceção de uma: a empresa líder de mercado. Uma empresa que, certo dia, percebeu uma oportunidade diferenciada, apostou nela e optou por mudar sua estratégia para ser a melhor dentre as demais.

Neste momento, você se pergunta: mas por que as demais não atingem também o primeiro lugar? Resposta óbvia, meu amigo: porque só existe um “número 1”. No topo do pódio só há um degrau, reservado para aquele que ousou mais que os outros, para aquele que abriu mão da sua zona de conforto para ir além.

Busque o primeiro lugar!

E o que as outras empresas devem fazer para serem melhores? Parar se seguir o líder! Isso mesmo, parar de querer ser igual à empresa líder de mercado. O que os concorrentes precisam entender é que hoje há um líder no topo, mas antes dele tiveram outros, ou seja, ele só chegou lá porque foi melhor que o último líder. Se você quer que sua empresa cresça e apareça, é necessário que outros caminhos sejam trihados, outros horizontes sejam vislumbrados, não só aqueles que já foram explorados.

Se você já chegou à conclusão que continuar fazendo o que faz atualmente não te levará ao topo do seu mercado, mude de atitude. Mudando o pensamento, o empresário permite à sua empresa mudar para melhor. Planeje novas estratégias, faça o hoje ser melhor do que ontem, torne isso um hábito. É preciso lutar para ser o líder, vencer uma batalha por dia até, finalmente, vencer a guerra.

Pense nisso. Analise seu mercado de atuação, veja quais são as possibilidades inexploradas, vislumbre uma forma de fazer melhor e oferecer um diferencial inesperado para seu cliente. Você verá que logo logo sua empresa subirá um degrau, depois mais um e outro, em direção ao primeiro lugar, ao posto de líder do mercado.

Lembre-se sempre: A ousadia vence o medo de errar e o leva mais longe. Faça disso um mantra, repita todos os dias e mude. Pense como um lider, seja o líder.

1 COMENTÁRIO

  1. Concordo com o post no que toca às empresas, pois de nada adiante fabricar esponja de aço se você não é um Bombril…

    Mas, quanto a pessoas as coisas são diferentes, primeiro pela natureza humana, onde muitos acham mais cômodo seguir que ser seguido, segundo, pela responsabilidade que a liderança traz. Lí uma vez a seguinte frase: “Prego que se destaca, leva martelada”. Embora esta frase também sirva para as empresas, ela é mais sentida pelas pessoas.

    Outro ponto, que até mencionei no twitter é a criação de uma expectativa que não pode ser alcançada. Tenho dúvidas se o Líder nasce como tal, ou pode ser forjado. Só sei que, no mundo tem sempre de haver líderes e subordinados, e sempre haverá pessoas e empresas que acharão seu caminho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here