“O futuro não pode ser conhecido. A única coisa certa a respeito dele é que será diferente de hoje, ao invés de uma continuação. Mas o futuro ainda não nasceu, nem está formado e é indeterminado. Ele pode ser moldado por ações intencionais.”

(Peter Drucker)

Por Gustavo Periard

Um dia, toda grande idéia foi uma idéia pequena e desacreditada. As idéias que dão certo dão ao seu “dono”, na maioria das vezes, uma certa vantagem competitiva em relação a seus concorrentes e abre caminho para uma escalada rumo a um futuro melhor para as pequenas empresas.

Estas grandes idéias, na maioria das vezes, surgem nos momentos mais inesperados, são os famosos insights – aqueles “estalos” que sempre aparecem quando menos esperamos. Eu aposto com você que muitas vezes já teve um desses e pensou “ah que nada, isso nunca vai dar certo?!”, e, com certeza, perdeu uma ótima oportunidade de criar algo novo para você ou sua empresa, ou de salvar algo que não esteja bem das pernas e etc. Este pensamento preguiçoso e pessimista sempre impede o progresso das empresas, em especial as pequenas, no mundo dos negócios.

Algumas idéias nem sempre são fáceis de serem implementadas, exigindo um pouco mais de coragem e ousadia de gestores e profissionais da área em questão.

O sempre espetacular Peter Drucker em “Profissão de Administrador”, no tópico “O grande poder de pequenas idéias”, discute este tema e faz a seguinte observação:

“Fazer o futuro requer coragem. Requer trabalho, mas também requer fé. Comprometer-se com o oportuno simplesmente não é prático. Não será suficiente para os esforços que estão à frente. Porque nenhuma idéia é perfeitamente segura – nem deve ser. Não ousando assumir o risco de fazer com que o novo aconteça, a gerência assume, por omissão, o risco maior de ser surpreendida pelo que irá acontecer. Este é um risco que nem mesmo a empresa maior e mais rica pode se dar ao luxo de assumir. E é um risco que nem mesmo a menor da empresas precisa assumir”.

Ou seja, ter idéias é inovar e aplicá-las é ousar. Mas atenção, tome muito cuidado!!! Ousar é importante sim, mas sempre buscando o melhor para sua empresa, analisando muito bem a idéia, trabalhando-a e implementando-a com segurança, segundo suas necessidades e limitações. Não se pode por tudo a perder por achar que algo dará sempre certo. È preciso ter bom senso!!

E aliando este bom senso a boas idéias você estará pronto para criar, inovar, ousar e ter muito sucesso no que faz. Busque sempre o melhor, não se acomode com a atual situação de sua empresa, vá além! E a partir de agora, fique bem atento aos seus insights, eles ainda vão te salvar um dia!!! rs

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here