por Bruno Biscaia*

Um grande número de  profissionais recém demitidos de seus empregos vislumbram a oportunidade de terem sua própria empresa, com os seus próprios funcionários, e principalmente, sem terem um chefe. Como conseguiram acumular uma quantidade considerável de capital ao longo de muitos anos de trabalho, decidem por pegar esse dinheiro e fazer um investimento, aplicando muito em seu novo empreendimento.

31_empreender_eGeralmente, todo o processo de planejamento da empresa é feito pela própria pessoa, o empreendedor, que na maioria das vezes se considera capaz de prever qual a necessidade do mercado, a melhor forma de gestão de pessoas, toda a logistica inerente ao processo, as normas para adequação da empresa etc.

Parece que estou falando mal desses profissionais que tentam buscar novas oportunidades, acreditando em seu potencial. Longe disso, minha intenção com este texto é abordar um ponto crucial para a abertura de uma empresa – o planejamento – e principalmente a arrogância do empresário.

A partir de uma ideia bem trabalhada, o próximo passo é elaborar um plano de negócio (business plan) bem feito, em que todas as suas opiniões sobre o empreendimento sejam gravadas, a fim de que você possa visualizar “de fora” todo o cenário no qual a sua empresa irá operar.

Dedicar tempo a essa atividade é crucial para o seu sucesso inicial. Mas, levar “uma vida toda” preenchendo os espaços que restam, pode dificultar a sua inserção no mercado. A ideia é buscar um equilíbrio, tentando ao mesmo tempo em que amadurece os seus pensamentos, neste documento, partir para ação e executar as primeiras atividades de sua empresa. O plano de negócio tem de ser um instrumento presente em toda a vida da empresa, sendo dessa forma atualizado e repensado de tempos em tempos.

A boa notícia

Atualmente, existem muitas organizações de apoio a empreededores, inclusive softwares para elaboração de planos de negócio. Basta uma rápida procura pela internet que você terá uma lista de programas computacionais para lhe auxiliar nessa etapa fundamental para o sucesso de sua empresa. E se preciso não hesite em buscar apoio, não importando o estágio de vida em que o negócio se encontra. Quando se trata do seu dinheiro e do seu tempo, que ali estão sendo investidos, a melhor coisa a se fazer é contar com parcerias e com a boa vontade da sua rede de contatos.

Dificuldade para enxergar falhas

Um dos fatores que mais dificulta a visualiação de possíveis erros ao criar um business plan, é o sentimento do empreendedor de que ele tem pleno domínio sobre todos os setores de sua empresa. Humildade faz bem em todos momentos e nesse, em especial, é fundamental para que você não invista seu dinheiro de forma errada.

Dedicar tempo a sanar as suas dúvidas e a se atualizar sobre as diferentes áreas administrativas da empresa te dará mais segurança para ousar no mercado e um sentimento de que ainda há muito a aprender para empreender de forma bem sucedida.

Espero que tenha gostado dessa reflexão acerca da abertura de uma empresa e que leve em consideração todos os fatores aqui apresentados. Sinta-se a vontade para discutir, deixar uma dúvida ou dar a sua opinião no espaço de comentários. Obrigado pela atenção. Até a próxima.

*Bruno Biscaia já atuou nos setores de Marketing, de Eventos e de Planejamento e Controle da Produção. É estudante de Engenharia de Produção Mecânica na Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI), autor do livro “Dinheirama” (Blogbooks) e Editor de Empreendedorismo do Dinheirama.com.

8 COMENTÁRIOS

  1. Muito legal e interessante este artigo.
    Hoje em dia observamos que cada vez mais o empreendedor quer ter o seu próprio negócio. Muitos não gostam de serem mandados
    pelos chefes em seus empregos, por isso, buscam abrir a sua própria empresa.

    O problema está na falta de planejamento, por isso aproximadamente 70% das pequenas e médias empresas brasileiras fecham suas portas antes dos quatro primeiros anos de existência.

    O empreendedor acredita que como ele já trabalhou em outras empresas antes, ele domina todos os setores. Como bem sabemos não é assim que acontece, se a pessoa não possuir as 5 unidades básicas de um planejamento que são: planejar,
    controlar, coordenar, dirigir e executar a ação a empresa sobreviverá por muito pouco tempo.

    A concorrência atualmente está muito acirrada, a empresa que não possuir um diferencial competitivo não irá se destacar,
    para isso precisa elaborar um bom planejamento estratégico, tático e operacional.

    • Concordo…

      Pois muitas pessoas se acham preparadas para uma empreitada de ter um negócio próprio,mas ao mesmo tempo não poem na balança tudo que está envolvido.Deve-se levar em conta que existe muita concorrencia e tem que estar preparado.

      deve haver um planejamento cuidadoso, boa vontade e esforço para que de certo.

  2. É muito gratificante ver esta discussão sendo gerada em torno deste tema tão importante.

    Muitas pessoas têm problemas na hora de abrir a sua empresa, por que nunca pensaram nessa possibilidade para sua vida. Partiram para essa possibilidade apenas por que não viam outra alternativa.

    Sugiro que assim como o plano de negócios, as pessoas façam um plano de carreira, independentemente do estágio em que sua carreira está. É nesse "papel" que você organiza as suas ideias, metas e planos alternativos, caso algo aconteça diferente do planejado. Isso diminui e muito a chance de você se pegar agindo sem pensar após ser demitido etc. Popularmente conhecido como "diminuir a chance de você se dar mal" na sua carreira.

    Com relação a quantidade de empresas que "fecham as portas" após alguns poucos anos de vida, isso realmente é verdade e é um cenário desmotivador para quem quer abrir uma empresa.

    Mas, uma verdade que poucos sabem é a de que apenas 7% das empresas abertas por brasileiros com ensino superior fecham antes de completar um ano de vida.
    Um cenário bastante animador para quem está na faculdade e quer colocar as suas ideias em prática. Vamos discutir mais, estou aberto as novas ideias e a qualquer tipo de dúvida que surgir. Um abraço.

    • Olá Bruno,

      Bem interessante este dado que trouxe. Sem dúvidas mostra que um pouco mais de preparo pode definir o destino da nova empresa. Fazendo cair por terra a idéia muito difundida de que qualquer um pode abrir um negócio, ficar rico etc etc. Há muitas questões envolvidas neste sucesso do negócio. E uma delas, com certeza, é o preparo antes e durante a implementação das estratégias da empresa. O acompanhamento também é fundamental.

      Vamos discutir!

  3. sou estudade de gestão hospitalar mas tenho tec.de enfermagem e procuro encentivos para essa nova área espero contar com quem tenha bons conselhos obg

  4. […] empresa. Quase tudo relativo aos negócios leva tempo, então seja paciente e fique de olho no seu planejamento, a impaciência e a imprudência podem ser fatais ao seu […]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here