Produção de conteúdo de qualidade para monografia/tcc

4
1701

Produzir um texto nem sempre é uma tarefa fácil. É preciso dominar o assunto, buscar correlações, ser objetivo e coeso. Mais difícil ainda é elaborar uma monografia/TCC, pois são muitos assuntos acerca de um objetivo geral. Portanto, utilizar um raciocínio lógico é fundamental neste momento, criar conceitos e fundamentá-los de forma que os assuntos se complementem, com embasamento, produzindo um texto que chame a atenção do leitor (e do orientador, especialmente).

Está precisando de ajuda com sua monografia (TCC)?

Conheça nosso e-book “Como fazer uma monografia de sucesso“, com inúmeras dicas imperdíveis para você fazer sua monografia sem stress. Aprenda a escolher o orientador e o tema de sua monografia, formatar o trabalho segundo as normas ABNT, preparar os slides da defesa e muito mais!

Em tempos de comunicação e blogs, há muito conteúdo espalhado pela web. E muitas vezes leio textos “inacabados”, nos quais os autores descrevem a importância e a necessidade de determinada ferramenta de marketing, por exemplo; e, no entanto, esquecem de fundamentar o porquê, benefícios e desvantagens na utilização de tal ferramenta. Eu mesma já pequei nessa questão, tentando abordar um assunto sem trazer ao leitor o mínimo de fundamento. Mas acredito que aprendi muito com o que li por aí e tento não errar mais.

No caso do exemplo acima, sobre as ferramentas de marketing, temos a seguinte situação: sabe-se que existem variadas ferramentas e funções no gerenciamento das ações de marketing, e a importância delas. Mas porque são necessárias? Quais as vantagens competitivas que esse gerenciamento traz à organização? Estas são questões que precisam ser “administradas” pelo autor em seu texto, buscando orientar o leitor e trazendo a ele um conhecimento além do que já está acostumado.

Para escrever um simples texto ou elaborar um projeto/monografia/TCC, gosto de falar em pensamento sistêmico. De acordo com Peter Senge, é “A Quinta Disciplina” que “integra todos os compartimentos do saber e da prática”, o qual desenvolve no autor uma integração disciplinar. Essa interdisciplinaridade possibilita trazer aos leitores mais do que conceitos, ela busca ir além dos conhecimentos básicos, traz ao texto um limiar entre o que é corriqueiro e até onde determinado tema pode “levar” o leitor.

Quando escolher um tema para sua monografia, por exemplo, considere alguns pontos importantes, como: é relevante? Tenho domínio sobre ele? Possuo bibliografias de auxílio para um melhor entendimento?  Até onde o tema pode me levar? Consigo produzir conceitos novos? Saberei fundamentá-los? É importante para mim e para os outros? É possível inovar no tema? E muitas outras questões.

Perceba que todos os questionamentos acima buscam acrescentar ao texto uma porção de possibilidades de análise, embasamento e compartilhamento do conteúdo. Sair do óbvio, pular para fora da caixa, arriscar é fundamental na produção de conteúdo. Escrever é um processo árduo, porém traz ao autor e ao leitor novas visões sobre o conhecimento abordado.

4 COMMENTS

  1. Por favor eu gostaria de saber onde encontro artigos sobre a taxa selic? E gostaria de saber se posso utilizar livros ou só artigos?
    Estou muito preocupada pois tenho dificuldade em escrever.

    Obrigada
    Aguardo seu retorno.

  2. Boa noite, Carol! Tudo bem com você?

    O site http://www.periodicos.capes.gov.br/ é muito bom para encontrar artigos na área.

    Você só não pode, como deve. Para as faculdades, os livros são as melhores fontes de pesquisa, mas também é sempre bom equilibrar com os artigos científicos. Sempre encontramos ótimos materiais.

    Quanto a sua dificuldade na escrita, não tenha medo. Tente organizar sua linha de raciocínio, faça um “esqueleto” do que precisa e é importante citar e comentar. Com essa pré organização fica muito mais tranquilo na hora de escrever.

    Esperamos ter ajudado. Se precisar de mais dicas, conte conosco, ok?!

    Sucesso.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here