Se você pensa que o conteúdo do website da sua empresa não está atraindo seus clientes, a chance de você estar totalmente certo é muito grande.

Rick Sloboda da Webcopyplus previamente já disse isso em newsletter do Marketing Profs e não vejo motivo para discordar.

O website é uma das ferramentas de web marketing e enganam-se aqueles que acham que web é para programadores, web designers e só. Se o seu negócio está online, ele precisa de você, profissional de marketing. E isso não se aplica apenas às estratégias de promoção que serão feitas ou do design que será desenvolvido; vai desde o briefing e acompanhamento do desenvolvimento de layout, até a atualização de conteúdo.

Fazer um website atrativo não depende apenas de quem tem o conhecimento técnico da linguagem de programação que será utilizada. Você precisa saber que aquele que está em busca da sua marca na Internet, quer comodidade, agilidade e interação. Além disso, fazer uma interface amigável e, de certa forma, intuitiva faz com que esta ferramenta se torne ainda mais poderosa. Por que não mostrar que você pode fornecer tudo isto?

imagem_internet2008

O conteúdo apresentado deve ir de encontro ao que o usuário – para profissionais de marketing, o cliente -, busca saber em relação a sua empresa e principalmente, encorajar o cliente a adquirir seu produto e não o da concorrência. Qual seu portfólio de produtos? Em quais áreas sua empresa atende? Como é estruturada a empresa? Quais as formas de contato? Qual a agenda de eventos? E as novidades? E a loja virtual?

Os sites devem fazer parte do planejamento de marketing das companhias. A interação deve ser feita com a empresa que irá desenvolvê-lo – daí a grande importância dos briefings bem detalhados e entendimento de funções básicas de criar um site voltado às práticas de SEO (Search Engine Optimization) e SEM (Search Engine Marketing).

As práticas de SEO, conforme descrição da SEMBrasil, referem-se a um ‘’conjunto de estratégias com o objetivo de potencializar o posicionamento de um site nos resultados naturais (orgânicos) nos sites de busca”. Seus principais benefícios, dentre muitos, incluem gerar um incremento real e duradouro no tráfego de visitas do site, ser a mais econômica forma de atingir clientes potenciais, posicionar o site nos resultados naturais dos sites de busca, que têm a preferência de cliques dos internautas, trabalhar o branding da empresa, associando produtos e serviços à marca e tem ROI (Return On Investment) mensurável através da implementação de sistemas.

Já para definição de SEM, “é o marketing realizado em sites de busca, como Google e Yahoo!, através de estratégias que posicionem o site de uma empresa nas primeiras posições dos resultados de busca por palavras-chave relacionadas a seus produtos e serviços, ou qualquer palavra-chave que interesse ao site promovido. O posicionamento do site da empresa pode ser feito nos resultados naturais ou nos resultados patrocinados.
Independente do lugar onde um site fique bem posicionado (resultado natural ou patrocinado), em todo tipo de ação SEM é possível calcular o retorno sobre o investimento (ROI) das ações realizadas com alta precisão e extrema facilidade.

Ainda de acordo com a SEMBrasil, as ações de SEM podem ser divididas entre otimização de sites (Search Engine Optimization – SEO) – resultados naturais, links patrocinados (Sponsored Links) e campanhas por performance – resultados patrocinados e cadastro em sites de busca – resultados naturais;

Isso demonstra que é muito importante que o profissional de marketing entenda que não basta apenas ter um layout bonito, com conteúdo mínimo – ter o conteúdo voltado ao que o cliente busca sobre sua empresa, é o mínimo que o site deve ter – e sem estratégias de SEO e SEM para ser encontrado com mais facilidade na internet.

A partir do momento em que o site estiver estruturado, é hora de utilizar as outras ferramentas de web marketing (e outros canais também podem ser explorados) para comunicar os clientes e promovê-lo.

– SEO e SEM pelo sembrasil.com.br

– Conheça um pouco mais sobre as ações estratégicas de web marketing no eCommerceOrg

8 COMENTÁRIOS

  1. A Bruna tem toda razão é assim que a minha empresa cria sites dinamicos e objetivos direcionado para o publico alvo, usando todas as ferramentas de busca, e divulgação.

    • André,

      obrigada pela sua visita e comentário.

      Fundamentalmente, todas as ações estão interligadas. Por isso, as equipes têm que trabalhar em conjunto ao desenvolver um website, de acordo com suas especialidades, não é mesmo?

      Abraços,
      Bruna.

  2. […] Construa um site voltado para o seu cliente, e se optar por usar serviços de mídias sociais e blogs gratuitos existentes (Facebook,  Twitter, WordPress, etc), não se esqueça que este tipo de ação obrigatoriamente tem que gerar um retorno por parte do cliente, uma interação, senão se torna algo frio e sem envolvimento. Lembre-se que ter muitos “seguidores” e “fãs” não significa necessariamente que seu negócio está deslanchando. Atraia o seu público-alvo, pois é desta forma que suas vendas aumentarão. O bom relacionamento com os clientes deve ser o pensamento primordial e sua resposta a ele, frente aos canais de counicação escolhidos, deve ser pronta e eficiente, sem delongas. […]

  3. […] Construa um site voltado para o seu cliente, e se optar por usar serviços de mídias sociais e blogs gratuitos existentes (Facebook,  Twitter, WordPress, etc), não se esqueça que este tipo de ação obrigatoriamente tem que gerar um retorno por parte do cliente, uma interação, senão se torna algo frio e sem envolvimento. Lembre-se que ter muitos “seguidores” e “fãs” não significa necessariamente que seu negócio está deslanchando. Atraia o seu público-alvo, pois é desta forma que suas vendas aumentarão. O bom relacionamento com os clientes deve ser o pensamento primordial e sua resposta a ele, frente aos canais de comunicação escolhidos, deve ser pronta e eficiente, sem delongas. […]

  4. Bruna,

    Excelente post!

    O site é a peça mais básica da existência digital.

    Durante meus estudos e minhas consultorias, encontro uma enormidade de problemas nos sites das empresas, que aparentemente elas não percebem.

    Fui convidado por uma associação com 50 empresas (informática) para apresentar uma palestra… E curioso fui olhar os sites… 70% na pag inicial sem… Bem-vindo!

    • Romero, muito obrigada pelo comentário.

      É interessante perceber que estes dados nos levam a não somente a pensar em questões como o "bem vindo" mas também em reestruturar todo o conteúdo que foi gerado, por exemplo, no começo desse ano para os visitantes e, para o próximo ano, já não terá mais o mesmo impacto.

      Espero que a palestra tenha sido um sucesso e que o pessoal tenha saído de lá pensando bastante em como melhorar o conteúdo de seus websites.

      Abraços,
      Bruna.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here